American Horror Story - 2.05: I Am Anne Frank, part 2

E quando a gente pensa que tá tudo bem aí é que tudo fica mais complicado.

A segunda parte do episódio duplo sobre Anne Frank começa com Irmã Jude indo atrás de um homem para descobrir o que está por trás do passado de Dr. Arden, por causa das acusações de sua paciente. A propósito, ela invade a sala da Irmã Jude e aponta a arma pra cabeça do médico nazista. Só que não dura muito tempo para que "Anne" seja impedida pelo pessoal do hospital psiquiátrico. E o que ninguém esperava (ou pelo menos não queria admitir) era que o marido de "Anne" aparecesse em Briarcliff.

O marido explica que ela ficou obcecada com a história de Anne Frank quando leu os diários e viu uma peça sobre eles, fazendo até em si mesmo a tatuagem com o número de Anne em Auschwitz. O que seria muito fácil de deduzir se eu não estivesse com muita vontade de que ela fosse a Anne Frank de verdade. Charlotte, como ela realmente se chamava, até mesmo passou a rejeitar o próprio filho por causa de tal obsessão. Depois de ouvir tudo isso, Irmã Jude decide mandar Charlotte para casa, junto da família.

Grace e Kit tem mais um momento lindinho que fez meu coração puro e cheio de arco-íris, mas por pouco tempo. Kit é liberado da esterilização, mas não Grace. E uma coisa inesperada acontece: aparentemente ela é abduzida, como Kit foi. O que diabos esses aliens querem com o povo de Briarcliff? Enquanto isso, Dr. Thredson avisa a Lana que vai tirá-la dali naquele dia mesmo, à noite. Ele também consegue uma confissão gravada de Kit sobre o assassinato de sua mulher e das outras.

Irmã Jude tenta um pedido de paz com Dr. Arthur Arden, mas sabendo que está com a faca e o queijo na mão, o médico se recusa a qualquer coisa. Não fiquei surpresa pelo fato de ter sido Irmã Mary Eunice que tirou o que restou de Shelley do laboratório de Arden para que ninguém a encontrasse, e por fim deixando-a perto um parque infantil. Aliás, é quando Charlotte volta à Briarcliff que Dr. Arden tem sua chance de se livrar dela de uma vez por todas. E consegue.

Não canso de falar da brilhante atuação da Jessica Lange. Ela dá um show enorme nessa série. A cena da Irmã Jude contando de sua infância foi sensacional, emotiva no ponto certo. Lana consegue sair de Briarcliff, mas certamente tudo não acabaria bem e fácil desse jeito. Ela acaba descobrindo que se deixou enganar muito facilmente pelo psiquiatra, que na verdade ERA o Bloody Face, não Kit. Gente, que série maravilhosa.

Ficamos no aguardo do próximo desenrolar da história agora que Irmã Jude saiu de Briarcliff e sabemos quem é o serial killer que gosta de retirar as peles das mulheres. O que mais falta para acontecer em American Horror Story? Quero mais, muito mais.

No Response to "American Horror Story - 2.05: I Am Anne Frank, part 2"

Postar um comentário

 

Copyright © 2009 Why Watch? All rights reserved.
Converted To Blogger Template by Blogspot Templates Theme By- WooThemes