Modern Family - 4.13: Fulgencio

Jay: "Gloria, the most beautiful woman I've ever seen." Phil: "Amen!"

Modern Family nunca decepciona. Nunca. Até mesmo quando eles têm um episódio de mediano para fraco, como foi o caso de "Fulgencio", nós ainda conseguimos dar boas risadas com as tiradas e situações cômicas. Não que esse episódio tenha sido de morrer de rir, mas é necessário reconhecer o seu valor.

Está chegando o dia do batismo do bebê de Jay e Gloria, então a mãe e a irmã dela vêm até o país para celebrar o acontecimento e conhecer o garotinho. Só que muitos problemas surgem daí, e várias feridas são reabertas; seja a mãe de Gloria que nunca gostou de Jay, seja a irmã que acha que a outra roubou-lhe tudo que lhe era de direito. Como numa boa novela latina, claro (o que parece ser uma piada recorrente na série, mas que nunca perde a graça).

Já Cam e Mitchell se vêem com um dilema, quando Lily começa a agir de maneira sarcástica e maldosa. Seja com comentários ácidos, seja com pequenas provocações. E, claro, esse é mais um motivo para eles começarem uma de suas intermináveis discussões em que um culpa o outro pelo problema que eles têm.

Algo muito semelhante acontece com Phil e Claire. O homem percebe subitamente que, embora seja o "good cop", a quem todos os filhos buscam quando querem fazer algo divertido, ele não é tão valioso assim quando o assunto é resolver problemas. 

Agora vamos aos comentários sobre cada plot. Comecemos pelo que dá nome ao episódio. Fulgencio. Não é um belo nome para uma criança? Não de acordo com Jay, que fica furioso quando descobre que esse é o nome que a mãe de Gloria quer dar o bebê. Na minha opinião, a trama mais fraca do episódio, apesar de ser a principal. A briga entre sogra e genro não rendeu nenhuma boa piada, e eu acho que serviu apenas para colocar Jay no lugar de Phil, ao ter de tentar agradar a sogra. Foi uma bacana inversão de papeis, mas eu acho que em uma comédia é imprescindível que pelo menos uma boa tirada aconteça, o que infelizmente não aconteceu aqui.

Gloria e a irmã, por outro lado, trouxeram algumas boas cenas. Quem diria que a nossa adorável latina pudesse ter passado a perna na própria irmã? Pois é, vivendo e descobrindo. Apesar de a trama ser um pouco mais pesada, a série conseguiu lidar da maneira com que geralmente lida com histórias mais maduras: com muita delicadeza e humor. Acho interessante o equilíbrio que eles obtêm: tratam de um assunto complicado, mas conseguem ser bem sucedidos tanto no humor, quanto no drama. Não são todas as séries que tem esse dom. Como destaque de cena mais hilária: quando a irmã de Gloria vai lavar a roupa e pergunta: "cadê o rio?". Hahahaha. Só Modern Family mesmo <3

Mencionei há alguns parágrafos acima a questão das intermináveis brigas entre Mitchell e Cameron, e que constantemente são alvos de críticas da minha parte. Daí o episódio traz isso como principal assunto do casal: será que as atitudes maldosas e sarcásticas que eles têm um com o outro são a causa das atitudes ruins da filha? Uma ótima ideia, no papel. Só que a maneira com que isso é conduzido, estraga tudo. Além de eles passarem o episódio todo colocando a culpa um no outro (coisa que. já. deu. nos. nervos), no final ainda descobrimos que a culpada pela "bad attitude" de Lily é... Claire! Pode isso? Me senti bastante enganado. Apesar disso, os dois sempre rendem boas risadas, e dessa vez não foi diferente. Eu só gostaria que os roteiristas conseguissem fazer humor com o casal sem precisar apelar para sua intermináveis picuinhas.

Já no núcleo da família Dunphy, eu gostei do que vi. Gostei de ver Claire sendo valorizada pelos filhos pelo menos uma vez. Phil é o melhor em muitas coisas, mas certamente não em resolver problemas. A bondade e a ingenuidade do personagem é sempre ridicularizada, e dessa vez tivemos um pouco (mas bem pouco) disso, quando as alternativas que ele propõe para resolver os problemas não funcionam. É, todos nós já sabemos disso: para resolver alguma coisa, nada como uma mãe. 

Outros destaques de cenas engraçadas: Luke chamando a professora de mãe (QUEM NUNCA?), e Phil agarrando a irmã de Gloria. Eu ri demais em ambas, especialmente na segunda. Quem acompanha a série sabe que essa era uma piada recorrente nas duas primeiras temporadas: sempre que havia uma discussão ou briga, Phil logo pulava em cima de Gloria para "acalmá-la". No fim da season 2, porém, ele tinha superado isso. Pelo jeito ele teve uma recaída... E eu gostei bastante! Hahaha. Boa Phil!

PS: eu ia comentar sobre a paródia com "O Poderoso Chefão", mas eu acho que as cenas falam por si mesmo, e são só mais um exemplo da genialidade dessa série. 

No Response to "Modern Family - 4.13: Fulgencio"

Postar um comentário

 

Copyright © 2009 Why Watch? All rights reserved.
Converted To Blogger Template by Blogspot Templates Theme By- WooThemes